O aluno Guilherme Oliveira da 11ºA da Escola Adolfo Portela (ESAP) ganhou uma medalha de prata na 17ª edição da Olimpíada da Ciência da União Europeia (EUSO 2019), que decorreu em Almada, de 4 a 11 de maio.

Durante uma semana, os alunos participantes, oriundos de 24 países da União Europeia, competiram em duas provas experimentais, com conteúdos das áreas da Biologia, Física e Química, que decorreram nos laboratórios da FCT Nova, em Almada.
Nesta competição participaram mentores, observadores e alunos, bem como membros das Comissões Científica e Organizadora, envolvendo mais de 300 pessoas.

Cada uma das 50 equipas participantes (duas por país e quatro por Portugal, por ser país organizador) participou, além das provas, em diversas atividades culturais, científicas, desportivas e recreativas no distrito de Lisboa, com destaque para o concelho de Almada.
As quatro equipas portuguesas realizaram uma boa prestação, na medida em que duas receberam medalhas de bronze e as outras duas receberam medalhas de prata.

Para Henrique Coelho, diretor da Escola Adolfo Portela, “a participação de alunos da ESAP em competições internacionais diz bem da qualidade dos nossos alunos, do trabalho que todos vimos realizando e são, ao mesmo tempo, um estímulo para continuarmos a fazer ainda melhor”, referiu.

 

 

 

Go to top